Cartão de CréditoEconomiaGeral

R$ 2.683,24 EXTRA: Nubank bate o martelo e libera PIX EXTRA para clientes com CPFs – veja se você foi beneficiado

R$ 2.683,24 EXTRA: Nubank bate o martelo e libera PIX EXTRA para clientes com CPFs - veja se você foi beneficiado
R$ 2.683,24 EXTRA: Nubank bate o martelo e libera PIX EXTRA para clientes com CPFs – veja se você foi beneficiado. Foto: Reprodução

No atual cenário financeiro em constante evolução, indivíduos experientes procuram constantemente formas de otimizar as suas poupanças e aumentar a sua riqueza. A ascensão das soluções bancárias digitais, como a renomada conta Nubank, revolucionou a forma como administramos nossas finanças, oferecendo oportunidades sem precedentes para maximizar nossos retornos.

A saber, a conta Nubank foi desenhada com uma missão clara: capacitar indivíduos e restaurar o controle sobre suas vidas financeiras. Com uma estrutura totalmente digital, transparente e gratuita, esta solução bancária inovadora oferece uma alternativa refrescante à experiência bancária tradicional.

Uma das características de destaque da conta Nubank é sua abordagem única para ganhar juros. Ao contrário da conta poupança tradicional, onde o retorno está vinculado à taxa Selic e à Taxa Referencial (TR), a conta Nubank oferece notáveis 100% do CDI (Certificado de Depósito Interbancário) sobre quaisquer fundos que permaneçam na conta por mais de 30 dias. Isto significa que o seu dinheiro não só ganha uma taxa competitiva, mas também beneficia de um cálculo de juros “retroativo”, garantindo que maximiza os seus retornos desde o primeiro dia.

PIX extra no Nubank para investidores 

Quando se trata do potencial de ganho da conta Nubank versus a conta poupança tradicional, os números falam por si. Vamos explorar alguns cenários para ilustrar as diferenças notáveis:

Cenário 1: Investindo R$ 100 mil por 2 anos

Se você depositasse R$ 100 mil na conta do Nubank ou no Cofrinho de Reserva Emergencial do Nubank e deixasse intocado por 2 anos, o retorno líquido total (deduzido do imposto de renda) seria de impressionantes R$ 18.052,32.

Em contrapartida, o mesmo investimento em uma caderneta de poupança renderia um retorno líquido de apenas R$ 15.369,08, uma diferença de R$ 2.683,24 a favor da conta Nubank.

Cenário 2: Obtendo retornos mensais

Supondo uma taxa Selic de 10,50% ao ano, um depósito de R$ 100 mil na conta Nubank ou no Cofrinho de Reserva Emergencial do Nubank geraria um retorno líquido mensal de R$ 641,63 após 30 dias, ante R$ 597,00 em uma conta poupança tradicional.

Isso se traduz em uma diferença de R$ 44,16 no rendimento mensal, evidenciando ainda mais o potencial superior de ganho da conta Nubank.

Cenário 3: Investindo R$ 50 mil por 1 ano

Para uma aplicação de R$ 50 mil ao longo de 1 ano, a conta Nubank ou o Cofrinho Reserva Emergencial Nubank renderia um retorno líquido de R$ 4.160, enquanto a caderneta de poupança geraria apenas R$ 3.705, uma diferença de R$ 455 a favor do Opção Nubank.

Esses exemplos demonstram claramente as vantagens significativas que a conta Nubank oferece em relação à conta poupança tradicional, tornando-a uma escolha atraente para indivíduos que buscam maximizar suas poupanças e superar o mercado.

Caixinhas do Nubank

Ao lado da conta Nubank, a plataforma também apresenta o inovador recurso “Caixinhas”, que permite ao usuário administrar seu dinheiro de forma mais organizada e personalizada.

Esses cofrinhos digitais permitem que você aloque recursos para objetivos específicos, como um fundo de emergência ou uma poupança de férias, e ainda ganhe a competitiva taxa de 100% do CDI.

A Reserva Emergencial Caixinha do Nubank, em particular, destaca-se como uma valiosa ferramenta para a construção de uma rede de segurança financeira.

Essa Caixinha não só oferece o mesmo potencial de ganho de 100% em CDI da conta Nubank, mas também proporciona liquidez imediata e a proteção do Fundo Garantidor de Créditos (FGC), garantindo que suas economias estejam seguras em caso de imprevistos.

Abquesia Farias

Especialista em Redação por mais de 5 anos, escreve textos para o Revista dos Benefícios com temas de Benefícios Sociais, Direitos do Trabalhador e Economia.