Benefícios SociaisBolsa FamíliaGeral

SAIU HOJE (28/03): Pagamento ANTECIPADO ACIMA de R$ 1.132 é confirmado no Caixa Tem e brasileiros soltam fogos de alegria

SAIU HOJE (27/03): Pagamento ANTECIPADO ACIMA de R$ 1.132 é confirmado no Caixa Tem e brasileiros soltam fogos de alegria
SAIU HOJE (27/03): Pagamento ANTECIPADO ACIMA de R$ 1.132 é confirmado no Caixa Tem e brasileiros soltam fogos de alegria – Imagem: Reprodução.

O Programa Bolsa Família é uma iniciativa do Ministério do Desenvolvimento Social (MDS) que visa auxiliar as famílias brasileiras em situação de vulnerabilidade social.

Em março de 2024, o programa anunciou o pagamento antecipado de acima de R$1.132 através do aplicativo Caixa Tem. Veja os detalhes desse pagamento e como ele beneficia as famílias cadastradas.

O Programa Bolsa Família e os pagamentos antecipados acima de R$ 1.132

O Programa Bolsa Família foi reformulado em março de 2023, apresentando diversas atualizações para melhor atender às necessidades das famílias em vulnerabilidade social.

Uma dessas atualizações foi a implementação de uma nova estrutura de benefícios, que inclui um conjunto de auxílios menores que, somados, resultaram sem valor final repassado.

Um dos benefícios-chave é o Benefício de Renda de Cidadania, que oferece R$ 142 por membro familiar, sem um limite máximo definido. Esse benefício é disponibilizado a todas as famílias beneficiárias, sem distinção.

Com base nesse benefício inicial, as famílias com oito membros podem receber até R$ 1.136 em março, por meio do aplicativo Caixa Tem. É importante ressaltar que o valor de cada indivíduo pode variar dependendo do tamanho da família.

Caso o lar seja composto por quatro pessoas ou menos, a soma dos R$ 142 por pessoa não atinja o valor mínimo garantido, e o governo garanta um pagamento base de R$ 600 nesses casos.

No entanto, famílias de menor tamanho podem receber benefícios complementares em especificações específicas para aumentar o valor total recebido.

Os pagamentos do Bolsa Família através do Caixa Tem

Os pagamentos do Bolsa Família para março de 2024 foram iniciados no aplicativo Caixa Tem. Para garantir maior agilidade e comodidade, a Caixa Econômica Federal realizou antecipações programadas.

Nos dois últimos finais da semana, já foram realizados os depósitos para os NIS 2 e 7. Na prática, os beneficiários que tem a data marcada para o recebimento na segunda-feira, pode ter acesso ao pagamento no sábado anterior.

Veja abaixo o calendário completo dos pagamentos:

  • NIS final 1: 15 de março;
  • NIS final 2: 18 de março (antecipação do no dia 16);
  • NIS final 3: 19 de março;
  • NIS final 4: 20 de março;
  • NIS final 5: 21 de março;
  • NIS final 6: 22 de março;
  • NIS final 7: 25 de março (antecipação no dia 23);
  • NIS final 8: 26 de março;
  • NIS final 9: 27 de março;
  • NIS final 0: 28 de março.

É importante ficar atento ao calendário para saber quando o pagamento estará disponível na conta. Para realizar o saque ou utilizar o valor, basta acessar o aplicativo Caixa Tem.

Como receber o pagamento antecipado

Para receber o pagamento antecipado do Bolsa Família no valor de R$ 1.136, é necessário ter uma conta no aplicativo Caixa Tem. Caso você ainda não possua uma conta, é possível fazer o cadastro de forma simples e rápida. Basta baixar o aplicativo Caixa Tem, disponível para Android e iOS, e seguir as instruções para criar sua conta.

Após o cadastro, você poderá acessar o valor disponível no aplicativo e utilizá-lo de diversas formas, como realizar compras em estabelecimentos parceiros, pagar contas e boletos, transferir para outras contas, entre outras opções.

É importante lembrar que o valor disponível no Caixa Tem pode ser utilizado de acordo com as regras condicionais do programa.

Beneficiários do Bolsa Família

O Bolsa Família é destinado a famílias brasileiras em situação de vulnerabilidade social. Para ser elegível ao programa, é necessário atender a alguns critérios, como ter uma renda per capita de até R$ 218 e possuir crianças e/ou adolescentes de até 17 anos. Além disso, é necessário estar cadastrado no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal.

O programa tem como objetivo combater a pobreza e promover a inclusão social, garantindo um auxílio financeiro mensal às famílias que se enquadrarem nos critérios estabelecidos.

Por fim, o Bolsa Família também oferece benefícios complementares em algumas situações específicas, como o adicional de R$ 150 para criança na família até os seis anos de idade e o adicional de R$ 50 para cada gestante.

Carolina Ramos Farias

Redatora do Revista dos Benefícios, é Graduada pela Universidade do Estado da Bahia - UNEB. Especialista em redação sobre Direitos do Trabalhador e Benefícios Sociais

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *