Direitos do TrabalhadorEconomiaGeralPIS-PASEP

FESTA HOJE (26/06): Banco do Brasil LIBERA pacotão com 4 pagamentos acima dos R$ 500 até para quem NÃO é cliente e brasileiros pulam de alegria

FESTA HOJE (25/06): Banco do Brasil LIBERA pacotão com 4 pagamentos acima dos R$ 500 até para quem NÃO é cliente e brasileiros pulam de alegria
FESTA HOJE (25/06): Banco do Brasil LIBERA pacotão com 4 pagamentos acima dos R$ 500 até para quem NÃO é cliente e brasileiros pulam de alegria – Imagem: Reprodução.

O Banco do Brasil, uma das maiores instituições financeiras do país, acaba de lançar um pacote de benefícios que está chamando a atenção de milhares de brasileiros, inclusive aqueles que não são correntistas da instituição.

Com um transporte de R$ 4,5 bilhões do governo federal, o banco está oferecendo 4 pagamentos acima de R$ 500 para diversos trabalhadores em todo o território nacional.

Essa faz parte do programa de pagamento do abono salarial do PIS/Pasep, que visa recompensar os trabalhadores que tiveram vínculo formal de emprego por, no mínimo, 30 dias durante o ano-base considerado.

Pacote de benefícios do Banco do Brasil

De acordo com informações, o Ministério do Trabalho e Emprego (MTE) liberou R$ 4,5 bilhões para que a Caixa Econômica Federal e o Banco do Brasil efetuem o pagamento do abono salarial do PIS/Pasep aos trabalhadores nascidos em julho e agosto. Esse benefício será pago no dia 17 de junho.

Além disso, o Banco do Brasil distribuiu um pacote de 4 pagamentos adicionais, com dados específicos para cada um:

  • 1º pagamento – Setembro: 15 de julho;
  • 2º pagamento – Outubro: 15 de julho;
  • 3º pagamento – Novembro: 15 de agosto;
  • 4º pagamento – Dezembro: 15 de agosto.

Esses pagamentos extras, que podem chegar a valores acima de R$ 500, estarão disponíveis não apenas para os clientes do Banco do Brasil, mas também para os não clientes que tenham direito ao abono salarial do PIS/Pasep.

Quem tem direito ao PIS/Pasep?

De acordo com as informações oficiais, têm direito ao benefício do PIS/Pasep os trabalhadores inscritos no programa há, pelo menos, cinco anos e que tenham trabalhos formalmente por, no mínimo, 30 dias no ano-base considerado para apuração, com remunerações média mensal de até dois intervalos mínimos.

Cada mês trabalhado equivale a um benefício de R$ 117,67, sendo que períodos iguais ou superiores a 15 dias são contados como mês cheio. Portanto, aqueles que trabalharam 12 meses com carteira assinada com certificação o salário mínimo completo, ou seja, R$ 1.412.

Como os não-clientes do Banco do Brasil podem sacar o Pasep

Para os não clientes do Banco do Brasil que têm direito ao abono salarial do Pasep, o processo de saque é relativamente simples. Basta seguir os seguintes passos:

  1. Acesse o site do Governo Federal e clique no ícone “Consulte e Receba seu PASEP”;
  2. Faça login no portal Gov.br. Para essa transação, é necessário possuir uma conta prata ou ouro no portal, para maior segurança;
  3. No menu “Serviços para você”, clique em “Receber o Abono Salarial” e, em seguida, em “Iniciar”;
  4. Preencha seus dados pessoais e aguarde o processamento do seu pedido.

É importante ressaltar que os valores dos pagamentos podem variar, dependendo da quantidade de parcelas a serem recebidas. Uma pessoa que receber apenas uma parcela poderá sacar R$ 118, enquanto quem receber 12 parcelas, ou seja, um ano inteiro, terá direito a R$ 1.412.

A quantia a ser recebida varia de acordo com o número de meses trabalhados em 2022, conforme a seguinte tabela:

Meses TrabalhadosValor do Abono
1 mêsR$ 118,00
2 mesesR$ 235,00
3 mesesR$ 353,00
4 mesesR$ 471,00
5 mesesR$ 588,00
6 mesesR$ 706,00
7 mesesR$ 824,00
8 mesesR$ 941,00
9 mesesR$ 1.059,00
10 mesesR$ 1.177,00
11 mesesR$ 1.294,00
12 mesesR$ 1.412,00

Portanto, o trabalhador deve ter em mente o tempo de trabalho no ano anterior para calcular o valor exato a ser recebido.

Como abrir uma conta bancária pelo celular

A tecnologia foi transformada profundamente na forma como interagimos com os serviços bancários. Antes, era necessário comparecer pessoalmente a uma agência física para abrir uma conta atual.

Porém, essa realidade foi modificada, especialmente após a autorização do Banco Central em abril, que eliminou a obrigatoriedade de presença física para a criação de uma nova conta.

Agora, o Banco do Brasil segue os passos de outras instituições financeiras, como o Itaú, e disponibiliza a opção de abertura de conta pelo aplicativo móvel. Essa inovação traz inúmeras vantagens para o cliente, destacando-se:

  • Praticidade e Agilidade: O processo de abertura de conta é feito pelo seu smartphone, evitando a necessidade de deslocamento até uma agência física. Basta alguns toques na tela e você inicia sua nova conta atual;
  • Conveniência em Qualquer Lugar: Você pode abrir sua conta em qualquer lugar e a qualquer momento, desde que tenha acesso a um dispositivo móvel e conexão com a internet. Essa flexibilidade se torna especialmente útil para pessoas com rotina agitada ou que residem distantes das agências bancárias;
  • Economia de Tempo: Ao eliminar a necessidade de visitas presenciais, você economiza horas que seriam dedicadas ao deslocamento e espera em filas. Esse tempo pode ser melhor aproveitado em suas atividades diárias;
  • Segurança Reforçada: Os bancos são investidos cada vez mais em tecnologias de segurança para garantir a proteção de seus clientes durante a abertura de conta online. Mecanismos como autenticação biométrica e criptografia de dados garantem a integridade de suas informações pessoais.

Dessa forma, a abertura de conta pelo celular se torna uma alternativa extremamente atraente, permitindo que você inicie seu relacionamento com o Banco do Brasil de maneira prática, rápida e segura.

Carolina Ramos Farias

Redatora do Revista dos Benefícios, é Graduada pela Universidade do Estado da Bahia - UNEB. Especialista em redação sobre Direitos do Trabalhador e Benefícios Sociais

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *