Revista dos Benefícios

Veja se o seu PIX está OK HOJE (04/02): Banco Central CONFIRMA liberação automática de pagamentos via PIX e data de estreia anima brasileiros

Veja se o seu PIX está OK HOJE (04/02): Banco Central CONFIRMA liberação automática de pagamentos via PIX e data de estreia anima brasileiros
PIX. Imagem: Reprodução

Em meio a diversidade de inovações da tecnologia no mundo financeiro, o PIX tem se destacado como uma ferramenta indispensável no cotidiano dos brasileiros.

Isso porque, obtendo apenas três anos de existência, já conquistou uma posição de destaque entre os meios de pagamento mais utilizados. Graças à sua constante evolução e aprimoramento, o PIX tem se tornado cada vez mais versátil e eficaz. E agora, uma nova funcionalidade promete aumentar ainda mais a popularidade do sistema: o PIX automático.

Com previsão para lançamento para este ano, essa nova ferramenta deve trazer ainda mais comodidade e flexibilidade para os usuários.

O que é o PIX automático?

Depois de muita especulação e pedidos dos usuários, o Banco Central confirmou recentemente a implementação do PIX automático. Essa nova funcionalidade permitirá a realização de pagamentos recorrentes de forma automática, ou seja, sem a necessidade de realizar o pagamento manualmente a cada vencimento. Isso representa uma grande facilidade para os usuários, que poderão programar pagamentos mensais para serem realizados de forma automática.

As regras específicas para utilização do PIX automático ainda serão divulgadas pelo Banco Central nos próximos meses. No entanto, já se sabe que será necessário uma autorização prévia do usuário para a realização dos pagamentos automáticos. Além disso, serão estabelecidas normas para o cancelamento da autorização, regras de devolução e responsabilização em caso de erros, e um limite diário para essas transações.

Quais tipos de pagamento poderão ser realizados com o PIX automático?

O Banco Central anunciou que o PIX automático será aceito para uma grande variedade de operações. Isso significa que os usuários poderão programar pagamentos recorrentes para diversos tipos de serviços e contas. Entre eles estão:

  • Pagamentos de serviços públicos, como água, luz, telefone e outras contas domésticas;
  • Assinaturas de serviços variados, como internet, serviços de streaming, clubes de assinatura, entre outros;
  • Mensalidades de planos de saúde, escolas, faculdades e condomínios;
  • Serviços financeiros, como empréstimos, consórcios, seguros, entre outros.

Essa ampla aceitação do PIX automático promete facilitar ainda mais a vida dos usuários que preferem utilizar o PIX em vez dos tradicionais cartões de crédito.

Tarifa do PIX em 2024

De acordo com dados da Febraban, o Pix ultrapassou outros métodos de pagamento em popularidade no Brasil em 2022. Sua adoção em massa se deve à sua praticidade e à possibilidade de realizar transferências instantâneas a qualquer hora e dia. Além disso, a gratuidade do serviço para pessoas físicas tem sido um grande atrativo para os usuários.

Embora o Pix seja geralmente gratuito para pessoas físicas, existem algumas situações em que podem ser cobradas tarifas. De acordo com as regras estabelecidas pelo Banco Central, as tarifas relacionadas ao Pix podem ser cobradas das pessoas físicas nas seguintes situações:

  1. Recebimento de recursos com finalidade de compra.
  2. Envio de recursos, com as finalidades de saque ou de troco, a partir da 9ª transação por mês.

É importante ressaltar que cada instituição financeira pode ter sua própria política de tarifação, portanto, é fundamental verificar as condições específicas do seu banco.

Apesar das especulações em torno da possibilidade de cobrança pelo uso do Pix, o Banco Central já se posicionou diversas vezes afirmando que o serviço continuará gratuito para pessoas físicas, exceto nas situações mencionadas anteriormente. Ou seja, os brasileiros não precisam se preocupar com a cobrança de tarifas adicionais pelo uso do Pix.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você está ok com isso, mas você pode cancelar se desejar. Aceitar consulte Mais informação

Política de privacidade e cookies