Benefícios SociaisDireitos do TrabalhadorEconomiaGeralINSS

PRESENTÃO: IDOSOS de 60,61,62,63,64 anos pra cima GANHAM SAQUE de R$ 7.700 nesta semana e brasileiros comemoram

Dinheiro
Dinheiro. Imagem: Montagem/Revista dos Benefícios

A notícia de que os idosos com mais de 60 anos no Brasil poderão sacar até R$ 7.786,02 do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) a partir da próxima semana tem sido recebido com grande entusiasmo pela população idosa do país.

Esse benefício representa um alento significativo para muitos aposentados e pensionistas, que enfrentam desafios financeiros em meio ao cenário econômico atual.

Confira os detalhes desse pagamento especial, o processo de consulta e as dados-chave do calendário de liberação dos recursos.

Valores disponíveis e público-alvo

De acordo com as informações divulgadas, os idosos com 60 anos ou mais serão os principais beneficiários desse pagamento especial do INSS.

Os valores serão depositados variando de R$ 1.412 até R$ 7.786,02, dependendo do nível de remuneração de cada indivíduo. Esse benefício aplica-se tanto a aposentadorias quanto a pensões garantidas ao sistema previdenciário nacional.

Estima-se que, neste ano, pelo menos 39 milhões de pessoas recebam algum tipo de benefício do INSS no Brasil.

Desse total, 5,6 milhões são beneficiários assistenciais, enquanto 33,4 milhões são beneficiários previdenciários .

Essa abrangência demonstra a importância desse sistema de segurança social para a população idosa do país.

Processo de consulta de dados de pagamento

Para os aposentados , pensionistas e beneficiários do INSS, consultar os dados de pagamento desse benefício especial é uma tarefa relativamente simples.

Basta acessar o Meu INSS, plataforma online do instituto, e selecionar a opção “Extratos” seguida de “Extrato de Pagamentos”.

Nessa seção, é possível filtrar a busca pelo mês de junho de 2024 e visualizar os dados previstos para o crédito em conta.

Calendário de pagamentos de Junho

O calendário de pagamentos do INSS referente ao mês de junho de 2024 segue um cronograma específico, com dados diferenciadas para beneficiários que recebem até 1 salário mínimo e aqueles que recebem acima desse valor .

Beneficiários com Até 1 Salário Mínimo

Para os beneficiários que receberem até 1 salário mínimo , o pagamento será efetuado nos seguintes dias:

  • Final 1: 24 de junho;
  • Final 2: 25 de junho;
  • Final 3: 26 de junho;
  • Final 4: 27 de junho;
  • Final 5: 28 de junho;
  • Final 6: 1 de julho;
  • Final 7: 2 de julho;
  • Final 8: 3 de julho;
  • Final 9: 4 de julho;
  • Final 0: 5 de julho.

Beneficiários Acima de 1 Salário Mínimo

Já para os beneficiários que recebem acima de 1 salário mínimo , o pagamento será realizado nas seguintes datas:

  • Finais 1 e 6: 1 de julho;
  • Finais 2 e 7: 2 de julho;
  • Finais 3 e 8: 3 de julho;
  • Finais 4 e 9: 4 de julho;
  • Finais 5 e 0: 5 de julho.

Efeitos do pagamento para os idosos na economia

Essa liberação de recursos pelo INSS representa um rompimento significativo para os idosos e suas famílias. Muitos desses indivíduos dependem integralmente desses benefícios para suprir suas necessidades básicas, como alimentação, moradia e saúde.

O impacto econômico desse pagamento especial será sentido não apenas pelos próprios beneficiários , mas também pela economia local, à medida que esses recursos injetados no mercado impulsionam o consumo e a atividade comercial.

Além disso, o impacto social desta iniciativa é igualmente relevante. Ao garantir a segurança financeira dos idosos , o INSS contribui para a manutenção de sua qualidade de vida e bem-estar geral , diminuindo os níveis de vulnerabilidade e insegurança que muitos enfrentam.

O que é o Número do Benefício (NB) do INSS?

O Número do Benefício (NB) é um código exclusivo atribuído a cada benefício previdenciário vinculado a um segurado do INSS. Esse número de 10 dígitos é informado na carta de concessão do benefício e é fundamental para registrar informações como extrato de pagamento, dados de cobrança, entre outros.

O NB é utilizado para identificar diversos tipos de benefícios, como:

  • Aposentadoria;
  • Pensão;
  • Auxílio-doença;
  • Auxílio-acidente;
  • E outros seguros previdenciários.

Consultando o Número do Benefício (NB) pelo CPF

Mesmo sem ter o NB em mãos, é possível consultar informações sobre seu benefício previdenciário usando apenas seu CPF. Existem quatro métodos principais para realizar essa consulta:

Através do Site do Meu INSS

O site do Meu INSS é uma plataforma digital que reúne diversos serviços do INSS. Para consultar seu NB neste canal:

  1. Acesse o site do Meu INSS (meu.inss.gov.br) e clique em “Entrar com gov.br”;
  2. Informe seu CPF e senha da conta gov.br;
  3. Na tela inicial, você encontrará o nome do seu benefício e o número correspondente.

Utilizando o Aplicativo Meu INSS

O aplicativo Meu INSS, disponível para Android e iOS, também permite consultar o NB com facilidade:

  1. Baixe e abra o aplicativo Meu INSS;
  2. Clique no menu localizado no canto superior esquerdo;
  3. Selecione a opção “Meus benefícios” e você verá o número do seu benefício.

Ligando para a Central de Atendimento 135

Outra alternativa é entrar em contato com a Central de Atendimento do INSS pelo telefone 135. Basta informar seu CPF e o atendente fornecerá o número do seu benefício.

Visitando uma Agência do INSS

Você também pode dirigir uma unidade física do INSS, apresentar seu CPF e documentos de identificação e solicitar a consulta do número do seu benefício.

Acompanhando o andamento de seus processos

Além de consultar o número do benefício, é possível acompanhar o status de seus processos de concessão de benefícios no INSS. Para isso, basta acessar o Meu INSS com seu CPF e senha, e selecionar a opção “Consultar Pedidos”.

Nesta seção, você poderá verificar a situação atual de seus processos, que podem estar em uma das seguintes fases:

  • Requerido: O pedido foi realizado, mas ainda está em análise;
  • Deferido: O benefício foi concedido;
  • Indeferido: O pedido foi negado;
  • Em Revisão: O processo está sendo reavaliado.

Carolina Ramos Farias

Redatora do Revista dos Benefícios, é Graduada pela Universidade do Estado da Bahia - UNEB. Especialista em redação sobre Direitos do Trabalhador e Benefícios Sociais

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *