Revista dos Benefícios

Governo Federal BATE O MARTELO OFICIAL HOJE (03/05/2024) e vaza lista de APOSENTADOS que terão VALORES CORTADOS

Governo Federal BATE O MARTELO OFICIAL HOJE (03/05/2024) e vaza lista de APOSENTADOS que terão VALORES CORTADOS
Governo Federal BATE O MARTELO OFICIAL HOJE e vaza lista de APOSENTADOS que terão VALORES CORTADOS – Imagem: Reprodução.

O Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) anunciou recentemente uma revisão nos pagamentos de aposentados e pensionistas em todo o país. Como parte desse esforço, o Governo Federal divulgou uma lista de beneficiários que terão seus valores cortados.

Essa medida visa corrigir possíveis irregularidades e garantir a sustentabilidade do sistema previdenciário.

A revisão dos pagamentos de aposentadorias e pensões tem como objetivo identificar e corrigir problemas na concessão dos benefícios. Para isso, serão realizados cruzamentos de dados para detectar inconsistências e irregularidades. A Receita Federal fornecerá informações sobre os rendimentos dos cidadãos, auxiliando nesse processo.

Além disso, uma Força-Tarefa Previdenciária composta por integrantes da Polícia Federal e do Ministério Público Federal foi criada para garantir a eficiência e transparência do processo de revisão.

Quem está na lista de aposentados com valores cortados?

A lista divulgada pelo governo inclui aposentados e pensionistas cujos cadastros apresentaram inconsistências. Para esses casos, a consequência pode ser a suspensão do benefício.

É importante ressaltar que a revisão não tem o objetivo de prejudicar os beneficiários, mas sim de corrigir possíveis erros e garantir que os recursos sejam destinados às pessoas que realmente têm direito aos benefícios.

Como a revisão dos pagamentos pode impactar o sistema previdenciário?

A revisão dos pagamentos de aposentadorias e pensões visa otimizar a concessão de benefícios e reduzir custos decorrentes da judicialização de processos.

A judicialização gera gastos extras para a Previdência Social devido ao pagamento de retroativos e acumulados. Portanto, a revisão é uma medida necessária para manter a sustentabilidade do sistema previdenciário.

O que os beneficiários devem fazer?

As autoridades recomendam que os beneficiários revisem suas informações cadastrais e entrem em contato com o INSS para esclarecer dúvidas ou corrigir dados incorretos.

É fundamental que os beneficiários estejam atentos às informações fornecidas pelo INSS e sigam as orientações para evitar problemas futuros.

Antecipação do 13º salário do INSS

A antecipação do 13º salário do INSS é uma prática que vem se tornando cada vez mais frequente desde 2020. Essa medida visa proporcionar aos beneficiários acesso adiantado aos recursos, o que pode ser extremamente útil para o planejamento financeiro.

A antecipação permite que o benefício seja recebido durante o primeiro semestre do ano, em vez de aguardar até o final do ano, como previsto anteriormente.

De acordo com o calendário de pagamentos do INSS, o 13º salário será pago em duas parcelas. A primeira parcela está prevista para o final de abril ou início de maio, enquanto a segunda parcela será paga no final de maio ou início de junho.

É importante ressaltar que essas datas podem variar de acordo com o valor do benefício e o último dígito do Número de Identificação Social (NIS) do beneficiário.

A tabela a seguir apresenta as datas programadas para o pagamento do abono natalino em 2024:

1ª parcela

Número final do benefício Data de liberação
1 24 de abril
2 25 de abril
3 26 de abril
4 29 de abril
5 30 de abril
6 02 de maio
7 03 de maio
8 06 de maio
9 07 de maio
0 08 de maio

Para os beneficiários que recebem mais do que o salário mínimo, as datas de liberação da primeira parcela são diferentes:

Número final do benefício Data de liberação
1 e 6 02 de maio
2 e 7 03 de maio
3 e 8 06 de maio
4 e 9 07 de maio
5 e 0 08 de maio

2ª parcela

A segunda parcela do 13º salário do INSS também será paga em datas específicas, de acordo com o número final do benefício. Confira as datas programadas para a liberação da segunda parcela:

Número final do benefício Data de liberação
1 24 de maio
2 27 de maio
3 28 de maio
4 29 de maio
5 31 de maio
6 03 de junho
7 04 de junho
8 05 de junho
9 06 de junho
0 07 de junho

Para os beneficiários que recebem mais do que o salário mínimo, as datas de liberação da segunda parcela são diferentes:

Número final do benefício Data de liberação
1 e 6 03 de junho
2 e 7 04 de junho
3 e 8 05 de junho
4 e 9 06 de junho
5 e 0 07 de junho

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você está ok com isso, mas você pode cancelar se desejar. Aceitar consulte Mais informação

Política de privacidade e cookies