Benefícios SociaisEconomiaGeral

Decisão confirmada HOJE (26/03) por Lula é emitida com mais de 5 pagamentos SEGUIDOS na poupança da CAIXA

Decisão confirmada HOJE (25/03) por Lula é emitida com mais de 5 pagamentos SEGUIDOS na poupança da CAIXA
Foto: Reprodução

Os estudantes do Ensino Médio da rede pública têm um motivo para comemorar. O programa Pé de Meia irá oferecer um incentivo financeiro aos alunos de baixa renda, visando reduzir a evasão escolar.

Para saber se você foi contemplado com a bolsa do programa Pé de Meia, é necessário seguir alguns passos simples:

  1. Baixe o aplicativo Jornada do Estudante: O Ministério da Educação disponibilizou um aplicativo específico para esse programa. Para consultar a sua contemplação, é necessário baixar o aplicativo, que está disponível neste link.
  2. Faça o login no aplicativo: Após baixar o aplicativo, faça o login utilizando suas informações de cadastro.
  3. Verifique as informações: No aplicativo, você encontrará todas as informações relacionadas à sua contemplação, como parcelas de matrícula, calendário de pagamento, data de pagamento, valor da parcela, identificação de competência da parcela, informações bancárias, situação da parcela e data de processamento de cada informação.
  4. Caso sua inscrição seja negada: Se você não foi contemplado com a bolsa do programa “Pé de Meia”, o aplicativo também informará o motivo da rejeição e as orientações para solucionar o caso.

Calendário de pagamento do Pé-de-Meia

O pagamento da bolsa do programa Pé de Meia será realizado em 5 parcelas de R$ 200, de acordo com o mês de aniversário do aluno. Confira o calendário de pagamento:

  • 26 de março: estudantes nascidos em janeiro e fevereiro
  • 27 de março: estudantes nascidos em março e abril
  • 28 de março: estudantes nascidos em maio e junho
  • 1º de abril: estudantes nascidos em julho e agosto
  • 2 de abril: estudantes nascidos em setembro e outubro
  • 3 de abril: estudantes nascidos em novembro e dezembro

O valor da bolsa será transferido para uma conta poupança digital do aluno, que será criada automaticamente na Caixa Econômica Federal.

Quem pode participar do programa?

Nesta fase inicial do Programa, são elegíveis para participar os estudantes com idades entre 14 e 24 anos que estejam matriculados no Ensino Médio regular em escolas públicas e que façam parte de famílias beneficiárias do Programa Bolsa Família.

Para se inscrever no Programa em 2024, os estudantes devem atender aos seguintes critérios: possuir CPF, estar matriculados em um dos três anos do Ensino Médio até abril de 2024 e pertencer a uma família que seja beneficiária do Programa Bolsa Família em janeiro de 2024 e esteja cadastrada no Cadastro Único, com base de fevereiro de 2024.

É importante observar que estudantes que tenham se cadastrado de forma individual e, consequentemente, fazem parte de famílias unipessoais, não estarão aptos a participar do Programa.

Valor do benefício

O programa “Pé de Meia” oferece um incentivo financeiro aos estudantes de baixa renda do Ensino Médio da rede pública. Entenda como funciona:

  • Incentivo matrícula escolar: O aluno receberá 200 reais por ano como incentivo para a matrícula escolar.
  • Incentivo-frequência: Serão pagos 1.800 reais por ano, divididos em 9 parcelas de 200 reais por mês, como incentivo para a frequência escolar.
  • Incentivo para conclusão do ano letivo: O aluno que concluir cada etapa escolar receberá um incentivo de 1.000 reais por etapa concluída.
  • Incentivo para o Enem: Ao final do terceiro ano escolar, o aluno receberá um incentivo de 200 reais para o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem).

O programa “Pé de Meia” é uma iniciativa do Ministério da Educação que busca incentivar a permanência dos estudantes de baixa renda do Ensino Médio da rede pública. Para saber se você foi contemplado com a bolsa do programa, basta baixar o aplicativo “Jornada do Estudante” e fazer o login.

No aplicativo, você encontrará todas as informações relacionadas à sua contemplação, como calendário de pagamento e valor da bolsa. Aproveite essa oportunidade e garanta seu incentivo financeiro para continuar seus estudos.

Abquesia Farias

Especialista em Redação por mais de 5 anos, escreve textos para o Revista dos Benefícios com temas de Benefícios Sociais, Direitos do Trabalhador e Economia.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *