Economia

Veja se o seu CPF foi premiado hoje (10/06): Bradesco vai distribuir R$4 bilhões para CPFs 0,1,2,3,4,5,6,7,8 e 9 e faz a FESTA agora em junho

Bradesco
Bradesco – Imagem: Reprodução.

O Banco Bradesco (BBDC4) acaba de anunciar o pagamento de R$ 4 bilhões em juros para muitas pessoas!

Com uma sólida atuação voltada para os interesses de seus clientes, o banco se destaca por oferecer serviços de excelência e ser um dos melhores gestores de recursos do mercado, apresentando resultados construídos sobre bases sustentáveis.

Recentemente, o Bradesco, um dos principais grupos financeiros do Brasil decidiu fazer uma liberação para um grande grupo de pessoas.

Esta distribuição de proventos aos acionistas é referente ao primeiro semestre de 2024 e representa uma importante notícia para os investidores da instituição financeira.

Bradesco anuncia pagamento de R$4 bilhões

O Bradesco anunciou o pagamento de um montante de R$4 bilhões sobre o capital próprio (JCP) referente ao primeiro semestre de 2024.

A saber, essa é uma notícia significativa para os acionistas da instituição, que receberão esses valores como retorno sobre seu investimento.

De acordo com o fato relevante divulgado pelo Bradesco, o valor total a ser pago em JCP é de R$ 4 bilhões. Isso corresponde a R$ 0,359141350 por ação ordinária e R$ 0,395055485 por ação preferencial.

O pagamento será realizado até 31 de janeiro de 2025 e estará sujeito a 15% de Imposto de Renda retido na fonte. Portanto, os acionistas receberão, líquido, R$ 0,305270148 por ação ordinária e R$ 0,335797162 por ação preferencial.

Terão direito aos valores os acionistas que estiverem na base do dia 17 de junho. A partir de 18 de junho, a ação ficará “ex-direito”, ou seja, não dará mais direito ao recebimento desses juros. Essa é uma informação importante para os investidores que desejam aproveitar essa oportunidade.

O pagamento de JCP representa uma remuneração significativa para os acionistas do Bradesco. De acordo com o fato relevante, esses juros correspondem a aproximadamente 20,8 vezes o valor dos juros mensalmente pagos, líquidos de imposto de renda na fonte. Isso significa que os acionistas receberão um rendimento expressivo sobre seu investimento.

Atualização de Dados Cadastrais

Analistas do mercado acreditam que essa iniciativa do Bradesco pode impulsionar a valorização das ações da instituição financeira, uma vez que os investidores tendem a valorizar empresas que demonstram comprometimento com a remuneração de seus acionistas.

Além disso, a distribuição de JCP é uma prática comum entre as principais empresas listadas na B3, sendo um importante mecanismo de remuneração dos investidores. Dessa forma, o Bradesco mantém-se alinhado com as melhores práticas de governança corporativa e reforça sua atratividade para os investidores do mercado de capitais.

  • Para os acionistas que possuem ações do Bradesco depositadas na B3, o pagamento dos JCP será realizado por intermédio das instituições ou corretoras que mantêm suas posições em custódia.
  • Já para os investidores com ações depositadas diretamente no banco, o pagamento será feito diretamente em suas contas correntes, desde que seus dados cadastrais e bancários estejam devidamente atualizados.
  • Caso os investidores não possuam seus dados atualizados, é necessário que eles se dirijam a uma agência do Bradesco, levando consigo o CPF, RG e comprovante de residência, para que possam regularizar sua situação e receber os JCP.

Saulo Moreira

Idealizador do site Revista dos Benefícios, sou graduado em Ciências Contábeis pela Universidade do Estado da Bahia (UNEB), com mais de 15 anos em experiência textual e 30 mil textos publicados.